Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Olá Mimi

Nuvem de sonhos. Lágrimas e sorrisos à desgarrada. O mundo guardado num baú entre as linhas da poesia e as sombras do medo. A força. A alma e o sol. Eternidade! O meu sonho, a minha realidade!

Olá Mimi

Nuvem de sonhos. Lágrimas e sorrisos à desgarrada. O mundo guardado num baú entre as linhas da poesia e as sombras do medo. A força. A alma e o sol. Eternidade! O meu sonho, a minha realidade!

2018 Maio 24

Olá Mimi.

Tudo te vai parecer imperfeito a certa altura. Vais sentir que tudo o que fizeste ou que pensaste foi em vão.

Vais-te sentir isolada do mundo. Acontece. Nessas alturas sentimo-nos sozinhos no meio da multidão.

Vais escrever muitos finais aleatórios para tentar fugir à verdade.

Não fracassaste, só não tinha que acontecer.

A vida é mesmo assim, cheia de entraves. Entraves esses que te fazem amadurecer e te preparam para futuras situações.

Arregaça as mangas e arranja soluções, traça um novo caminho.

Não pares.

Os fins muitas vezes são os inícios.

A construção de uma vida melhor, de uma felicidade, de um equilíbrio, só parte de ti.

Não procures respostas, só te vais massacrar. Vive com as perguntas.

Se eventualmente existirem respostas, mais cedo ou mais tarde irão ao teu encontro.

Nessa fase tempestuosa dança, dança à chuva. Sorri com as gotas de água na cara e sente o vento, sente-te viva.

Nada é eterno. Uma má fase também não o é.

Tempo.

Determinação.

Amor.

Esperança.

Estaremos aqui para arregaçar as mangas contigo.

Não tenhas medo, nunca irás ficar sozinha.

Olá Mimi.
A força da mudança e da superação és tu.

Acredita e tu consegues.

 

child-costume-fairy-127968.jpg

Foto de: Froken Fokus

2018 Maio 15

Olá Mimi.

Ainda só sentes um tipo de amor. Vais perceber que vão existir vários. Vais aprender a amar cada um à tua maneira.

Não o vais conseguir controlar, já nasceu contigo e por mais que tentes fugir não irás conseguir escapar. Parece estranho, mas é a realidade.

É um misto de emoções. Só te cabe a ti tentar entendê-las e usufruir delas.

Só o amor tem a capacidade de nos mudar, para o bem e para o mal. Nem tudo é perfeito. O amor também não é. Podia ser. 

Complicamos.

Está no nosso ser.

Somos quase sempre inconformados. Queremos sempre mais e acabámos por não valorizar pessoas, momentos e passagens. Vais perceber isso com o tempo.

Vais amar incondicionalmente, vais-te sentir diminuída com tanto amor que tens para dar. Peço-te que não te sintas. Faz tudo parte. 

É o amor. Ama, ama incondicionalmente. Usa e abusa do amor.

Nunca se sabe quando voltarás a amar novamente. Mas certamente que vais.

Olá Mimi.

Acredita no amor.

Eu acredito.
Eu amo-te.

 

adult-affection-baby-236220.jpg

Foto de: Pixabay

2018 Maio 9

Olá Mimi.

Somos feitos de sentimentos muito para além deste corpo que nos transporta.

Somos decisões. Mesmo que por vezes erradas.

Somos lutas, vitórias e derrotas.

Somos esperança. Cair e levantar.

Somos choro e risos. E por vezes quando sorrimos só nos apetece chorar.

Somos atitudes. Mesmo que por vezes não sejamos capaz de as ter.

Somos dias bons e de dias maus. Hoje podemos estar na nossa plenitude da felicidade e amanhã mergulhados na tristeza.

Somos inconstantes.

Somos feitos de perspetivas. Basta colocar-nos em posições diferentes para podermos ver a realidade, ou chegar a consensos.

Somos orgulho. Abdicámos dele por o bem-estar.

Somos carinho e arrogância. Somos o que cativam, não te culpes.

Somos aparências. Mesmo que por vezes necessárias para proteção.

Somos feitos de amores verdadeiros e falsidades. Cabe-nos saber o que é melhor para nós.

Somos experiências. Nunca sabemos se é certo ou errado.

Somos feitos de momentos. Aproveita-os como se fossem únicos.

Somos aprendizagens.

Somos carinho. Somos paixão.

Mas o que mais importante é que somos feitos sobretudo de amor. Nunca percas esse amor.

Serás feita do que quiseres e melhor se adequar para ti.

Olá Mimi.

Desenha-te como quiseres mas desenha-te bem.

 

art-arts-and-crafts-child-159579.jpg

Foto de: Pixabay

2018 Maio 6

Olá Mimi.
É dia da mãe.
Futuramente irás viver toda a experiência de uma forma intensa também.
Vais perceber nesse momento que todas as palavras ou atitudes que menos gostaste veio de um amor enorme de mãe.
É um amor que cresce no momento da fecundação. Cresce de uma forma muito rápida. Não há rosto para esse amor, não há um corpo formado mas a paixão pelo desconhecido é enorme.
Algumas noites são de dor, nada expressam, não reclamam mesmo que isso inclua uma mão nas costelas e um pé na bexiga. Esse amor suporta tudo.
Ser mãe é nascer novamente pós aquela hora pequenina do parto. A vida muda, fica tudo para segundo plano, as prioridades são redefinidas e nada se sobrepõe a um filho.
As noites de diversão são substituídas por horas a ver anjos a dormir nos braços, mudas de fraldas e descansos em poucos períodos de tempo.
O aspecto torna-se cansado mas sempre com um sorriso apaixonado nos lábios.
Os sentimentos mudam.
Choram de medo, choram de orgulho, choram de saudade.
Um choro de mãe é com lágrima de amor. O coração foi arrancado e passou a andar fora do corpo.
Esse coração fala, anda, faz birras e dá gargalhadas de felicidade.
É um coração inocente.
Ser mãe é vestir uma armadura para ser intocável, é esconder tudo o que é negativo para não perder o encanto.
Ser mãe é sofrer em silêncio.
O futuro vai chegar de uma forma rápida e vais entender isso de uma forma vivida.
Nesses entretantos peço que respeites a mãe, as mães. Que sejas compreensível, que valorizes, que te dediques e sobretudo que absorvas todo esse amor que tem para te oferecer.
Os filhos são o centro do universo mas esse universo é da mãe.
É da tua mãe.
Orgulha-te.
Olá Mimi.
Feliz dia da Mãe.

 

 

affection-baby-barefoot-415824.jpg

 

 

2018 Maio 3

Olá Mimi.
Um dia vais crescer, vais perceber que o tempo que achavas lento passou a correr.
Vais olhar para trás e vais entender o quanto eras feliz sem te aperceberes.
Vais cair numa realidade em que é chato ser adulto.
Há demasiada responsabilidade.
Ficámos moldados por uma sociedade que nos impõe regras. Faz com que por vezes abdiquemos do que nos faz feliz.
Represálias, é esse o nome que aplicam quando têm uma reação por algo que te reprovam.
Podia dizer-te para seguires sempre o teu coração, fazer o que te faz inteiramente feliz. Não o irás conseguir fazer.
Por vezes nem tudo o que pensámos ou sentimos é real e adequado à realidade onde vivemos.
Temos essa capacidade de nos iludir para sentirmos uma espécie de felicidade creio que para nos proteger deste mundo por vezes demasiado penoso e violento.
Ser adulto é chato.
Ficas enclausurada em contas, numa sobrevivência.
Alguns sonhos de criança ficaram reduzidos a pó e frustrados por nada dar certo.
Mesmo assim lutamos e acreditamos.
Vais sempre querer mais, é inevitável e saudável. Tens que saber quando parar.
Nunca te esqueças dos teus presentes. Valoriza-os. Mesmo que tudo pareça errado.
Um dia vais ter saudades deles.
Tudo se compõe a seu tempo e no tempo certo.
Até lá vive o que tem que ser vivido.
A liberdade, a pureza de um coração vazio. Vive a tua inocência.
Olá Mimi.
É horrível ser adulto, não tenhas pressa de crescer.

 

child-girl-kid-12165.jpg

Foto de: Pexels.com 

2018 Maio 2

Olá Mimi.
Vai haver um dia que vais perceber tudo. Talvez esse dia te vá marcar.
Vais colocar inúmeras questões. Vais citar uns quantos porquês.
Talvez a única resposta seja: Porque sim.
Porque tinha que ser assim, porque não podíamos fugir a destinos, porque não conseguíamos que fosse de outra forma. Se assim o fosse talvez tudo tivesse sido diferente.
Não te consegues ver numa outra perspectiva. Também já não consigo.
Não questiones com os "porquês" mas com os "como".
Como é que percebi que eras tudo para mim, como é que decidi deixar todo um passado por ti, como é que passo os dias sem te ver, como imagino o nosso futuro, como é que luto por não te ter.
São suposições.
Como é que tu te sentes comigo na tua vida?
Não consigo dizer os porquês.
Porque tu, tu és o meu "como" saber amar.
Porquê? Não sei. És tu!

Lindolfo Alexandre

 

IMG_20180502_020446.jpg